VarianVarian

Crioablação percutânea em câncer de pulmão

Soluções intervencionistas

perc kid blowing bubbles

Introdução

O câncer de pulmão é o câncer mais diagnosticado no mundo todo, tanto em homens, quanto em mulheres. Embora as taxas de incidência de câncer de pulmão se mantenham constantemente altas em comparação com outros tipos de câncer, as taxas de sobrevivência vêm mostrando uma tendência de crescimento. Isso pode ser atribuído a uma redução do tabagismo, melhores programas de triagem1 e avanços nas opções de tratamento.

As opções de tratamento variam dependendo da extensão do câncer, que pode ser determinada por meio de uma série de exames que indicam o estádio de seu câncer, ou seja, o quanto ele avançou. Tais exames podem incluir radiografias (RX), tomografias (TC), imagens por ressonância magnética (RM), tomografia por emissão de pósitrons (PET-Scan) em medicina nuclear e/ou imagens dos ossos para determinar o tamanho, a localização e a extensão da doença. Outros fatores que podem influenciar seu plano de tratamento incluem o tipo de câncer, outras condições de saúde preexistentes, estilo de vida/preferências e seus objetivos de tratamento.

A essa altura, seu médico já poderá ter discutido algumas opções de tratamento com você. Dentre suas opções, podem estar as seguintes, dependendo de sua condição clínica (consulte o glossário para ver uma breve descrição):

O que é crioablação?

Crioablação, também chamada de criocirurgia ou simplesmente "crio", é um procedimento minimamente invasivo que pode ser usado para congelar e destruir células cancerígenas com temperaturas extremamente frias.

O que esperar no dia do meu procedimento?

O médico preparará a área a ser tratada e fará uma pequena incisão na pele.

Imagens de tomografia e/ou ultrassom da área são usadas para guiar o médico quanto à melhor forma de posicionar as agulhas, ou "criossondas", para alcançar a lesão alvo. Uma vez posicionadas as criossondas, o processo de congelamento se inicia. O médico pode ver a "esfera de gelo" crescendo durante o tratamento. Isso ajuda a determinar se o tratamento foi recebido conforme o planejado.

Após a remoção das criossondas, aplica-se pressão sobre a incisão para estancar qualquer sangramento e, depois, o local é enfaixado.

Quanto tempo leva a recuperação?

A crioablação percutânea pode ser realizada em serviço ambulatorial, mas também pode exigir um curto período de internação (uma noite no hospital). A recuperação completa pode levar de duas a três semanas, embora isso varie de pessoa para pessoa.

Vantagens da crioablação no câncer de pulmão

  • Visualização da área de tratamento sob aquisição de imagem direta.
  • Evidência clínica mostra uma alta taxa de controle local do tumor, tanto na intenção paliativa, quanto na curativa3.
  • Preservação da arquitetura do colágeno para conservação do tecido saudável2,3.
  • Pode ser realizada sob anestesia local ou sedação consciente; associada a menos dor3.
  • Complicações maiores expressivamente baixas (0-12%) no tratamento de câncer de pulmão primário em estádio inicial3.
  • Opção de tratamento viável para pacientes não elegíveis a intervenção cirúrgica devido a outros problemas médicos ou baixa reserva pulmonar subjacente.

Quais são os riscos?

O congelamento é um processo natural normalmente bem tolerado pelo corpo. Todavia, como em qualquer procedimento médico, existem riscos e complicações potenciais relacionados à crioablação percutânea no pulmão, que seu médico discutirá com você.

Dentre as poucas complicações, podem ocorrer tosse, lesão cutânea, escarro sanguinolento, dificuldade para respirar e dor no peito, sendo que uma pequena porcentagem dos pacientes necessita de intervenção.

Na maioria dos casos, essas complicações são tão leves que desaparecem sozinhas. Seu médico tomará as medidas necessárias para monitorar tais alterações durante e após seu procedimento.

Como decido que método de tratamento é o melhor para mim?

Embora a cirurgia seja o tratamento padrão na maioria dos casos, ela nem sempre é uma opção para certos pacientes. A idade e/ou outros fatores de risco podem influenciar a decisão por não operar. É importante que você compreenda todos os tratamentos que estão disponíveis para você. Converse com seu médico sobre os detalhes das opções que você tem, como benefícios e possíveis riscos, para se assegurar de que seu plano de tratamento é o mais adequado para o seu caso individual.

Referências

  1. de Koning HJ, van der Aalst CM, de Jong PA, Scholten ET, Nackaerts K, Heuvelmans MA, Lammers JJ, Weenink C, Yousaf-Khan U, Horeweg N, van 't 4. Westeinde S, Prokop M, Mali WP, Mohamed Hoesein FAA, van Ooijen PMA, Aerts JGJV, den Bakker MA, Thunnissen E, Verschakelen J, Vliegenthart R, Walter JE, Ten Haaf K, Groen HJM, Oudkerk M. Reduced Lung-Cancer Mortality with Volume CT Screening in a Randomized Trial. N Engl J Med. 2020 Feb 6;382(6):503-513. doi: 10.1056/NEJMoa1911793. Epub 2020 Jan 29. PMID: 31995683.
  2. Zhang YS, Niu LZ, Zhan K, et al. Percutaneous imaging-guided cryoablation for lung cancer. J Thorac Dis. 2016;8 (Suppl 9):S705-S709. doi:10.21037/jtd.2016.09.42 3. Masanori Inoue, Seishi Nakatsuka, Masahiro.
  3. Masanori Inoue, Seishi Nakatsuka, Masahiro Jinzaki, "Cryoablation of Early-Stage Primary Lung Cancer", BioMed Research International, vol. 2014, Article ID 521691, 8 pages, 2014. https://doi.org/10.1155/2014/521691de Baere T, Tselikas L.

Os procedimentos e informações descritos nesta página não visam a substituir o julgamento de um médico. Somente você e seu médico podem decidir qual opção é a melhor para você. Para obter mais informações de segurança, visite www.varian.com/safety. Enquanto fabricante de dispositivos médicos, a Varian não pode e não recomenda abordagens de tratamento específicas. Os resultados de tratamentos individuais podem variar. Consulte seu médico para mais informações.