VarianVarian

Embolização de artéria da próstata (PAE) - Tratamento para HBP

Soluções intervencionistas

A hiperplasia benigna da próstata, mais comumente chamada de HBP, é um aumento não canceroso da próstata. O aumento da próstata ocorre naturalmente à medida que o homem envelhece. Ninguém sabe exatamente por que a condição ocorre, mas é mais comum entre homens idosos, afetando até 50% dos homens entre 51 e 60 anos e até 90% dos homens com mais de 80 anos1.

Perguntas e respostas

Quais são os sintomas da HBP?

À medida que a próstata aumenta, ela comprime a uretra. Isso pode causar problemas com a micção (vontade repentina de urinar, dificuldade para começar ou incapacidade de urinar, fluxo urinário fraco e/ou interrompido, sensação de que a bexiga não está vazia após a micção e ardor/dor ao urinar), idas frequentes ao banheiro durante o dia e/ou noite, sono interrompido e interrupção da rotina diária.

Existe uma alternativa aos métodos tradicionais de tratamento?

Uma opção de tratamento para HBP é a embolização da artéria prostática ou PAE. A PAE é um tratamento não cirúrgico minimamente invasivo para a HBP e consiste na inserção de pequenas esferas (microesferas) nos vasos que fornecem sangue à próstata. Essas microesferas bloqueiam o fluxo sanguíneo para a próstata. Sem fluxo sanguíneo, a próstata encolhe com o tempo, melhorando os sintomas da HBP.

Quais são as vantagens da PAE?

  • Comprovadamente segura e eficaz na redução dos sintomas da HBP, com baixo risco de disfunção sexual ou complicações urinárias2.
  • Realizada sob anestesia local – sem anestesia geral.
  • Procedimento ambulatorial normalmente sem internação hospitalar3.
  • Realizado através dos vasos sanguíneos e não da uretra.

O que posso esperar durante o procedimento?

Durante o procedimento de PAE, um pequeno tubo (cateter) será colocado nos vasos sanguíneos que fornecem sangue à próstata através da virilha ou do punho. Com o cateter posicionado no lugar certo, as microesferas são inseridas nos vasos sanguíneos através dele. Sem fluxo sanguíneo, a próstata encolhe com o tempo, melhorando os sintomas da HBP.

pae minimally invasive diagram

O que posso esperar após a PAE?

A experiência de cada paciente é diferente. No entanto, os pacientes geralmente vão para casa algumas horas após o procedimento e, geralmente, podem retornar às atividades cotidianas em pouco tempo. A recuperação da PAE varia entre os pacientes; todavia, é comum apresentar alguns dos seguintes sintomas:

  • Dor pélvica ou cãibras.
  • Náuseas/vômitos.
  • Febre.
  • Sensação de cansaço.

Medicamentos serão prescritos para seu conforto enquanto você estiver se recuperando. Como em qualquer procedimento médico, podem ocorrer complicações. Complicações raras que podem aparecer em algum momento após o procedimento incluem redução do fluxo sanguíneo para a perna, reação alérgica, infecção e isquemia (fornecimento de sangue diminuído ou ineficaz) nos órgãos pélvicos.

pae before after diagram

Como decido se a PAE é melhor para mim?

É importante que você entenda todos os tratamentos que estão disponíveis para você. Converse detalhadamente com seu médico sobre suas opções, inclusive os benefícios e riscos potenciais. Os procedimentos e as informações descritos nesta página não visam a substituir o julgamento de um médico. Somente você e seu médico podem decidir qual opção é a melhor para você. Para obter mais informações sobre segurança, visite www.varian.com/safety.

Referências

  1. BPH: surgical management. Urology Care Foundation website. www. urologyhealth.org. External link. Updated July 2013. Accessed July 29, 2014.
  2. Leong, JY, et al. Minimizing Sexual Dysfunction in BPH Surgery. Curr Sex Health Rep. 2019 Sep; 11(3): 190–200.
  3. Piechowiak, R, et al. Prostate artery embolization in an outpatient based lab (OBL): safety and radiation exposure . JVIR 2017; S1051-0443(16)31757-2. Vascular Institute of Virginia, Long Beach, NY